Projeto mergulha no universo de Roberto e Erasmo Carlos em releituras soul

Por Daniel Accioly

Toni Garrido, George Israel, Felipe Cambraia e grande banda estão juntos para dar uma roupagem funky-rock-psycodelica ao repertório dos “Carlos” Roberto e Erasmo. O trio mergulha nas raízes do soul, característicos dos artistas da lendária “Motown” para mostrar ao público releituras de clássicos da mais representativa dupla de intérpretes e compositores da jovem guarda.

Para quem não sabe, a jovem guarda começou no momento em que o soul estava começando a sair dos guetos nos Estados Unidos. Não se pode dizer que o gênero brasileiro se inspirou no americano, mas é muito provável que a convivência de Roberto Carlos com Tim Maia tenha gerado um denominador comum na mente de Roberto Carlos. O fato é que o trio Garrido, Israel e Cambraia compraram a causa e por onde passam, botam os espectadores para balançar, como no show de ontem, na casa de shows Miranda, no Rio de Janeiro.

Veja a primeira apresentação do projeto na íntegra, gravado em julho desse ano:

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s